29.5 C
Caldas Novas
quarta-feira, 25 novembro, 2020

Live Better Brasil – A consultoria que pensa e age fora da caixa

Empresa com cinco anos de mercado oferece soluções disruptivas para projetos de turismo compartilhado, o que a torna totalmente diferente de outras empresas do segmento

Pensar fora da caixa já virou um clichê no mundo dos negócios. Qualquer coach de negócios sugere sair da caixinha. Mas o que significa pensar fora da caixa? Uma metáfora para pensar de maneira criativa, encontrar soluções inovadoras, sair do óbvio, pensar diferente da maioria, entre outras. Na prática o que significa? O que seria pensar fora da caixa dentro de um modelo de negócios complexo como timeshare e multipropriedade?


Operações comerciais de projetos de turismo compartilhado normalmente seguem o mesmo padrão – captação de clientes ativa, vendas de impacto, altas taxas de cancelamento, pós-vendas e retenção fortes para manter os recebimentos e não ter distratos. Como pensar fora da caixa neste modelo de negócio?


Com mais de cinco no segmento de turismo compartilhado, a consultoria especializada Live Better Brasil propõe esta atuação fora da caixa, quebrando os paradigmas deste setor marcado por bater metas nas vendas e números cada vez mais altos. Um dos sócios-diretores da consultoria, Sidney Machado, ressalta que pensar fora da caixa é um lema e propósito para a Live Better e explica que a consultoria trouxe uma maior humanização para o mercado.


Renato Campos, sócio da Live Better, fala que a liberdade de não ter que impor a um empresário uma empresa de intercambio ou Rede Hoteleira é muito libertador. ”As empresas de intercâmbio são importantes, mas hoje com outras plataformas concorrentes o mercado está muito mais competitivo. Em anos haverá centenas de plataformas para os clientes poderem intercambiar suas semanas”.


”Muitas vezes para se chegar ao acerto não dá para falar que negócios são apenas negócios, às vezes você tem que olhar para o ser humano como indivíduo único, com treinamento e aprendizado constante. Creio que trabalhamos muito a subjetividade da equipe, mais que a objetividade, pois é ali que configura o ser humano. Mexemos com vidas e não com cargos, com sonhos, com objetivos, além de sempre lembrar de onde viemos e a falta que um mentor faz na vida de uma pessoa”, explica Sidney Machado. ”Nunca tive um mentor e quero proporcionar esse cuidado para as nossas equipes. Sim, um propósito de vida para Live Better é cuidar de vidas. Tratar o ser humano como ser humano que ele é e não com motivações limitadas”.


Para Renato Campos este conceito de humanização não faz a consultoria perder sua essência, com foco nas vendas e em resultados, pensando no cliente final e investidores. ”Mas o DNA é pensar nas equipes e nunca esquecer de onde viemos, que as pessoas que trabalham para nós são únicas, tanto a pessoa mais humilde até o diretor do projeto tem que ser respeitados da mesma maneira”.


Contando com dois sócios, Renato Campos e Sidney Machado, a Live Better Brasil também veio desde sua fundação com o posicionamento de especialista em salas de vendas off sites ou urbanas, que são showroom de vendas em que o público-alvo são os próprios moradores das cidades e não turistas. Assim, a captação de clientes é realizada através de parcerias estratégicas e telemarketing, e as apresentações são por agendamento, diferenciando das outras empresas especialistas no setor que focavam apenas em salas de vendas em destinos turísticos e captação de clientes ativa.


”Nunca esquecendo das salas de vendas dentro de hotéis, parques e regiões turísticas, sendo que também temos algumas nesse modelo, mas sempre acreditamos muito que a junção delas nos fazem tão diferentes”, explica Renato Campos.


Outro ponto enfatizado por Sidney que destoa a Live Better das outras empresas especialistas no segmento de turismo compartilhado é a visão macro sobre o negócio, sempre buscando que o projeto comercial tenha vendas mais saudáveis, menos cancelamentos e resultados mais sólidos. ”Por esse motivo somos muito focados em mostrar, orientar e expor vários ângulos para a incorporadora ou hotel parceiro. Isso nos faz muitas vezes sermos incisivos em apresentarmos e sugerirmos opções de decisões para que eles concluam seus objetivos de forma que somente leve ao retorno positivo, focando sempre o bem do seu projeto, porque literalmente estamos ali para cuidar de seu empreendimento e fazer com que ele seja vantajoso financeiramente”.

Personalidades diferentes

As gestões e relacionamentos da Live Better Brasil são marcados pelas personalidades diferentes dos dois sócios da empresa. Renato Campos mais emotivo e Sidney Machado mais racional, o que ajuda nos negócios, segundo os dois.


”O empresário enxerga a verdade, são dois sócios brigando e querendo o melhor para o projeto dele, por isso temos parcerias por longos períodos”, afirma Renato Campos.


”Sempre temos duas opções e sem egos escolhemos a melhor, os empresários muitas vezes ficam atônicos, mas muito contentes, porque lidamos do empreendimento como se fosse nosso, mas sempre é uma discordância sadia, que todos que estão ao nosso lado sabem que o embate é sempre para a melhor opção para empresa e colaboradores”, reforça Sidney Machado.

Consultoria surgiu literalmente em uma folha de papel

Atualmente, a Live Better Brasil tem uma parceria sólida de cinco anos com o tradicional grupo hoteleiro gaúcho, com mais de 60 anos de história, a Rede Plaza, para gestão e comercialização do vacation club do grupo, além de outros projetos de multipropriedade, mas até chegar neste estágio avançado de desenvolvimento foi um longo caminho que surgiu de um sonho de Renato Campos idealizado em uma folha de papel, para depois chegar a primeira sócia da empresa e depois Sidney Machado.


”Estava trabalhando em uma grande empresa no setor e fui bater na porta de uma empresa de intercâmbio de férias, que me indicou Roberto Rotter e este representava a Rede Plaza. Após quase nove meses conseguimos fechar negócio com uma intercambiadora concorrente”, recorda Renato Campos.


”A empresa surgiu para suprir a necessidade de um mercado que na época dependia quase de duas ou três consultorias, portanto, ali visualizamos uma demanda reprimida que nos fez querer montar algo mais humanizado e indo contra a maré. Assim, escolhemos uma outra empresa de intercâmbio como parceira para caminharmos juntos, pois ambas estavam num processo de crescimento e de inserção no mercado, e somos felizes por essa escolha porque realmente o crescimento foi bilateral”, ressalta Sidney Machado.


Os dois são pioneiros no segmento de tempo compartilhado no Brasil, iniciando nesta indústria no início da década de 1990 como captadores de clientes, na empresa mexicana Resort Network. Após a experiência com a Resort Network, Renato Campos passou por várias grandes empresas no segmento, alcançando cargos de gestão, até fundar a Live Better.


Já Sidney Machado graduou-se em Psicologia e fez outros cursos de gestão e desenvolvimento de pessoas. Também passou por diversas funções dentro de operações de timeshare até alcançar cargos de gestão, para depois tornar-se consultor de negócios e se juntar a Renato na Live Better.

Empresa não tinha CNPJ no primeiro projeto

A Rede Plaza e Live Better Brasil formam uma parceria de sucesso de cinco anos. Mas a negociação para fechamento do negócio durou nove meses e a consultoria nem existia legalmente ainda, não havia CNPJ, além de que existiam outras consultorias concorrentes com mais tempo de mercado no segmento.


”Creio que muitas coisas são propósitos de Deus e Ele permitiu que esse fosse nosso primeiro projeto. Tínhamos muita experiência de mercado, apenas não como consultoria, mas pessoas compram pessoas e acho que contrataram as pessoas”, comenta Sidney.


Para Renato Campos, o principal desafio nesse primeiro projeto da Live Better com a Rede Plaza foi escolher e fechar negócio com uma empresa de intercâmbio de férias que estava voltando a operar no Brasil. ”Vimos o mercado se fechando muito para nós por causa desta escolha mas há males que vêm para bem, até hoje conseguir projetos para nós é uma luta que na verdade amo, porque pensamos que o empresário (investidor) pode operar com a intercambiadora que ele quer e não a que as consultorias querem”.
Outro desafio neste primeiro projeto foi o modelo de vendas, que na visão da hotelaria tradicional as vendas do timeshare são muito agressivas.

”Tivemos que mudar o modelo de vendas de agressivo para reflexivo, porque tínhamos que preservar a marca que já existia há mais de 56 anos na época, isso fez com que formássemos um DNA e um propósito”, explica Sidney Machado.

Futuro

Para os próximos anos a previsão da Live Better é de muitos negócios. Os sócios revelam que há algumas negociações com redes hoteleiras e incorporadoras em curso e em 2019 e 2020 novas parcerias serão anunciadas.


Renato Campos frisa que a Live Better também está muito focada no crescimento das atuais operações, fazendo com que os parceiros cresçam. ”Por isto também optamos a ter um cliente por cidade, não acredito que uma consultoria possa ter 2 , 3 projetos na mesma cidade ou região, mas respeito quem tem esta capacidade de fazer isto, não adianta ter mil projetos e sim bons projetos, é assim que novos negócios entre as empresas sejam gerados”.


Sidney Machado ressalta que em 2020 a Live Better estará muito mais estruturada que atualmente. ”Teremos uma equipe de diretores operacionais, pois é difícil cuidar presencialmente de todos os projetos, por isso vamos agregar pessoas com o mesmo propósito e termos mais sucesso, ou seja, sempre pensando fora da caixa e sem limites pra sonhar e transformar esses sonhos em objetivos e realidade”.


‘’Temos o objetivo de criar uma grande família Live Better, em que nossos parceiros (captadores, consultores, closers, corretores, gerentes de vendas) poderiam participar nos lucros da empresa, também com apoio familiar, apoio psicológico – abandonamos um projeto a pouco tempo pelo motivo do empresário ter desrespeitado um gerente de vendas – ou seja, uma equipe forte e unida”, finaliza Renato Campos.

Depoimentos de parceiros do mercado

‘A decisão pela Live Better se deu por ser uma empresa sem vínculos em relação ao que havia no mercado e com olhar para as necessidades do desenvolvedor. Estruturou no início as operações de um clube hoje exitoso que se prepara para uma nova etapa’’, Roberto Rotter, Rede Plaza.

‘‘A expertise da Live Better e sua capacidade de se adequar às novas exigências do mercado, criando assim soluções personalizadas, reflete diretamente nos resultados expressivos que estamos atingindo. Para nós, a Live Better já deixou de ser apenas consultoria para se tornar uma grande parceira’’, Jimmi Realli, JRC Engenharia/Five Sense Resort.

‘‘A Live Better Brasil se tornou o maior parceiro comercial da Interval no Brasil, a flexibilidade da empresa e de seus gestores em se adaptar as diferentes necessidades de cada cliente é um diferencial relevante e que nos permite atingir resultados excepcionais’’, Fernando Martinelli, Interval International.

Curtiu? Compartilhe!

Notícias Relacionadas

Oito destinos brasileiros ganham voos regulares

Iniciativa inédita deve alavancar o turismo nos destinos ao ampliar o acesso à visitação A temporada de verão já se aproxima e quem planeja viajar...

Privé Hotéis e Parques otimista com a temporada de férias

Pesquisas apontam que brasileiros irão priorizar destinos nacionais e regionais, colaborando para a retomada do turismo doméstico O ano de 2020 tem sido atípico e...

Convenção do Hot Beach destaca utilização da tecnologia e análise de dados

Evento de integração entre as equipes de Marketing e Vendas teve o objetivo de ampliar e-commerce e definir estratégias e plano de ação...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

×