26.1 C
Caldas Novas
segunda-feira, 23 novembro, 2020

Líder da RCI Brasil fala sobre propriedade compartilhada no VOX 2019

Fabiana Leite aponta que o mercado no Brasil continua aquecido


A líder das operações da RCI Brasil, Fabiana Leite, participou do VOX 2019, com a palestra ‘’Perspectivas do mercado de propriedade compartilhada na América Latina e Brasil’’. O VOX é a convenção anual de vendas da Aviva Vacation Club, unidade de negócio de vacation ownership da Aviva Algar FLC, e acontece nos dias 18 e 19 de março, no Rio Quente Resorts, em Goiás.
Fabiana iniciou a palestra expondo alguns dados do turismo internacional: 10% do PIB mundial vem do turismo e 10 milhões de empregos são gerados na América Latina através do turismo internacional; a América Latina teve 1,4 bilhão de visitantes estrangeiros em 2018 e perspectiva é que esse número chegue a 1,8 bilhão em 2030.
‘‘A maior parte dos turistas do Brasil são os próprios brasileiros, mas isso pode mudar’’, declarou a líder da RCI Brasil, que mostrou os dados de 2018, com aumento de 3,3% de visitantes em relação a 2017, o que corresponde a mais de 6,8 milhões de turistas. ‘’Por que falar de turismo internacional? Há muitas oportunidades’’.
Propriedade Compartilhada
Fabiana explicou que apenas no Brasil existem duas regulamentações, modelos e leis diferentes para timeshare e multipropriedade, mas no exterior não há estas diferenciações em propriedade compartilhada.
‘’É importante entender que a propriedade compartilhada é um novo canal de distribuição, não irá substituir nada, e haverá mais receitas. Há a fidelização de clientes, o reforço da marca e há o benefício econômico, com o pagamento adiantado, e outro fator, melhora a ocupação dentro do hotel’’, afirmou a líder da RCI Brasil.
Segundo ela, a média geral de dias que a família brasileira viaja nas férias é cinco dias, na propriedade compartilhada esse número aumenta para sete dias. ‘’Ou seja aumenta o consumo dentro do hotel’’.
A líder da RCI Brasil mostrou alguns dados da propriedade compartilhada na América Latina: em 2018 houve U$ 7 bilhões em vendas, o México teve U$ 4 bilhões em vendas, o Caribe U$ 1 bilhão; a América Central teve uma receita em vendas de U$ 117 milhões; a Venezuela U$ 75 milhões; a Colômbia e Equador venderam U$ 221 milhões; o Chile, Bolívia e Peru tiveram U$ 113 milhões em vendas; e a Argentina, Uruguai e Paraguai venderam U$ 45 milhões.
Já o Brasil, segundo os dados apresentados por Fabiana Leite, teve 84.000 semanas vendidas e mais de U$ 625 milhões em receita. ‘’Um crescimento 8% maior que 2017’’, disse a líder da RCI Brasil.
Em relação a salas de vendas ativas de empreendimentos afiliados à RCI, há 45 comercializando vacation club e 40 de multipropriedade. ‘’O mercado está crescendo e a RCI está afiliando mais hotéis. No ano passado recebemos mais 31 mil novos sócios clientes. Quando comecei na RCI, havia 14 mil clientes de timeshare no Brasil, hoje são mais de 150 mil’’.
Para Fabiana Leite, o momento está favorável para o mercado continuar crescendo, pois o compartilhamento está na moda e todos os modelos de negócios estão regulamentados. O timeshare pela Lei Geral do Turismo e a multipropriedade teve a lei aprovado no final do ano passado, a Lei 13.777/18. ‘’Formamos um grupo de empresários e advogados e conseguimos aprovar a lei em menos de dois ano’’.

Fabiana Leite e Luciana Lopes

História na RCI
Em um bate-papo com a Gerente de Experiência Operações Vacation Ownership, Luciana Lopes, Fabiana contou um pouco de sua trajetória na RCI Brasil. Ela iniciou na empresa há 18 anos, no departamento de marketing. ‘’Achei estranho o negócio, foi difícil de entender e aprender’’, disse Fabiana.
Em 2005, a RCI desativou o departamento de relacionamento com clientes no Brasil e Fabiana foi transferida para o Uruguai, onde ficou por seis anos. Após voltar para o Brasil, ocupando cargos de destaque na empresa, alcançou a liderança da RCI no Brasil em 2018. ‘’Nunca esperei ter uma posição ou cargo para me preparar, sempre quis aprender mais sobre o negócio. Às vezes há negociações difíceis na RCI, mas fico mais empolgada para fechar o negócio’’, finalizou Fabiana Leite.
Veja mais fotos do evento em nosso Instagram: https://www.instagram.com/turismo_compartilhado/

Curtiu? Compartilhe!

Notícias Relacionadas

Desemprego no Brasil??? Falta mão de obra para segmento de propriedade compartilhada

Empresas deste mercado continuam gerando empregos mesmo durante crise da pandemia Fábio Mendonça Na contramão da economia do país, a propriedade compartilhada, segmento do turismo...

RCI confirma realização do Top Seller Event 2020

Totalmente online, pela primeira vez, evento será realizado em agenda integrada com o LASOS 2020 Dois eventos importantes da América Latina para a Indústria...

#CASE inicia fase de comercialização do Modevie Boutique Hotel

Além de iniciar vendas das multipropriedades, a empresa anuncia vagas de empregos para Gramado A partir da segunda quinzena de novembro, o Modevie Boutique Hotel,...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

×