19.6 C
Caldas Novas
segunda-feira, 23 novembro, 2020

ADIT Share 2019: Executivo fala dos desafios de lançar o Hard Rock Hotel no Brasil

Com o tema ‘’ Quebrando barreiras e tabus no mercado de fração imobiliária: uma radiografia do case Hard Rock’’, o diretor de marketing e relacionamento institucionais da VCI Investimentos, Ênio Miranda, falou sobre o desenvolvimento e lançamento dos projetos de Hard Rock Hotel no Brasil, no modelo de multipropriedade, durante o ADIT Share 2019, seminário de turismo compartilhado, organizado pela ADIT Brasil, que aconteceu em Foz do Iguaçu/PR, nos dias 06, 07 e 08 de junho.
 A VCI é a detentora da marca Hard Rock no Brasil e desenvolvedora dos empreendimentos. Apesar de utilizar consultorias e comercializadoras para os projetos, Ênio Miranda destacou que a gestão pertence a VCI. A previsão de faturamento da VCI para 2019 é R$ 400 milhões e para 2021 será R$ 1,2 bilhão.
Ele contou o planejamento da VCI, fundada em 2012, para entrar no mercado de multipropriedade e lançar o Hard Rock. Em 2012, a análise que a empresa fez do mercado de frações imobiliárias era a seguinte: modelo em crescimento e testado no mundo; resultados positivos, bom negócio para quem compra e para quem vende; ocupação mínima garantida, ocupação média superior ao modelo de hotelaria tradicional; modelo precisa de alto consumo durante operação; boas iniciativas no Brasil; nova cultura de economia compartilhada.
Para entrar no mercado com destaque, de acordo com o diretor de marketing da VCI, a empresa listou uma série de ações e metas:  buscar uma marca global para ter maior atração e distanciar da concorrência e ter maior ocupação; geração de experiência e geração de consumo; garantias sólidas e segurança, posicionamento para classe alta, abrangência nacional; inovação e cultura jovem – branding.
A VCI iniciou as negociações com a Hard Rock International em 2012. Antes de lançar o empreendimento de multipropriedade, a empresa encontrou outras questões para serem superadas. ‘’Barreiras culturais, tabus do segmento, havia um modelo único venda de impacto, as vendas deveriam ser apenas turistas, mercado era limitado para classe B e C, a reputação do timeshare’’, disse Ênio Miranda.
Uma das barreiras que a VCI quebrou foi em relação as vendas de impacto. A empresa conta com vários canais de vendas para os produtos Hard Rock: salas de vendas, imobiliárias tradicionais, concept stores, consultórios próprios, e-commerce e franquias.
Com R$ 181 milhões de receitas de vendas em apenas 10 meses desde o lançamento do Hard Rock Hotel Fortaleza e Ilha do Sol e contando com 8 salas de vendas, Ênio Miranda revelou os planos de divulgação, marketing e vendas para as marcas Hard Rock Hotel, continuar com investimento em mídias regionais e iniciar, para o segundo semestre, divulgação em mídias nacionais e promoções em shows e festivais, além de manter o marketing em mídias digitais, parceria com marcas com afinidade de branding.

  • A Revista Turismo Compartilhado cobre o ADIT Share 2019 a convite da ADIT Brasil.

Curtiu? Compartilhe!

Notícias Relacionadas

Desemprego no Brasil??? Falta mão de obra para segmento de propriedade compartilhada

Empresas deste mercado continuam gerando empregos mesmo durante crise da pandemia Fábio Mendonça Na contramão da economia do país, a propriedade compartilhada, segmento do turismo...

RCI confirma realização do Top Seller Event 2020

Totalmente online, pela primeira vez, evento será realizado em agenda integrada com o LASOS 2020 Dois eventos importantes da América Latina para a Indústria...

#CASE inicia fase de comercialização do Modevie Boutique Hotel

Além de iniciar vendas das multipropriedades, a empresa anuncia vagas de empregos para Gramado A partir da segunda quinzena de novembro, o Modevie Boutique Hotel,...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

×